Biblioteca Virtual da América Latina

Biblioteca Virtual da América Latina

América Latina

Chile

Nome oficial: República do Chile
Localização: América do Sul; ao oeste oceano Pacífico; a leste Cordilheira dos Andes; ao norte Peru e Bolívia; ao sul Argentina
Estado: República Presidencialista
Capital: Santiago
Idiomas: Espanhol, mupudungun (língua mapuche), rapa nui e outras línguas minoritárias
Moeda: Peso chileno
Superfície: 756.950 km²
População: 16,634 milhões
Clima: Subtropical ao norte; fresco e úmido ao sul, árido no sudeste e sub-antártico no sudoeste
Data de independência: 18 de setembro de 1810; formalmente declarada em 12 de fevereiro de 1818; proclamação da república
Constituição: Sancionada em 11 de agosto de 1980

O território chileno está localizado no sudoeste da América do Sul. A oeste é banhado pelo oceano Pacífico, limitado a leste pela Cordilheira dos Andes, ao norte pelo Peru e Bolívia, e ao sul pela Argentina. Além do território continental, possui muitas ilhas _ em especial identificam-se a ilha de Páscoa, ilha Sala y Gómez, o Arquipélago Juán Fernández e as ilhas Desventuradas. Destaca-se também o Cabo Horn, o ponto mais próximo da Antártica, e o Deserto do Atacama, lugar mais seco do planeta. Não existe consenso sobre a origem de seu nome, mas uma possível explicação é a palavra _clilli_ da tribo Aimarás, que significa _onde acaba a terra_, referindo-se à sua localização no continente; outra seria a utilização do nome Chile para a identificação do atual vale do Aconcágua, posteriormente ampliado para designar todo território. Essa região foi habitada por diversos grupos indígenas como, por exemplo, os mochicas, os atacameños, os diaguitas e os araucanos. O primeiro grupo de europeus a chegar às terras chilenas por mar foi liderado por Fernão de Magalhães, navegador português a serviço da Espanha. O primeiro grupo a chegar por terra foi liderado por Diogo de Almagro, que recebeu essa região da coroa espanhola devido à conquista do Peru, sendo chamada de província Nueva Toledo. Após a sua morte, Pedro Valdívia, em 1540, retoma o processo de colonização, enviando expedições para conquistar as terras até o Estreito de Magalhães. Ele funda a cidade de Santiago del Nuevo Extremo em 1541, que enfrentou inúmeros ataques mas sempre foi reconstruída. Ao longo de todo o século XVI os espanhóis enfrentaram forte resistência dos índios da região, e ao final desse período também foram atacados por corsários ingleses. O desenvolvimento da colônia foi gradativo, criando uma aristocracia local e com as condições necessárias para o processo de independência, iniciado em 18 de setembro de 1810 (precoce em relação aos outros países da América Latina), sendo plenamente alcançada em 12 de fevereiro de 1818. Ao contrário de outros países latino-americanos, não era ditatorial, mas também não era totalmente liberal. Com a constituição de 1833 o Estado fica fortalecido, mas com instabilidade política devido às resistências decorrentes dos governos existentes. Foi também uma época de confrontos com o Peru e Bolívia, momento em que seu território é expandido ao norte. No século XX o Chile passa por períodos de inúmeras turbulências políticas, enfrentando um período de ditadura a partir de 1973, mas retornando à normalidade em 1990. A população atual é constituída por brancos e mestiços, de origem espanhola e ameríndia. Há também grande número de descendentes de imigrantes alemães, italianos, árabes, entre outros. O país possui importantes locais considerados pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade, como por exemplo Parque Nacional Rapa Nui, Igrejas de Chiloé, Bairro Histórico da Cidade Portuária de Valparaíso, Fábricas de Nitrato de Humberstone e Santa Laura, Aldeia Mineira de Sewell. O Chile é considerado atualmente um país próspero, com diversificação econômica, o que contribui para o seu progresso.

Fonte: Guia geográfico (www.guiageo-americas.com); Enciclopédia contemporânea da América Latina e do Caribe. São Paulo: Boitempo Editorial, 2006; P@íses _ IBGE (www.ibge.gov.br/paisesat/).

Saiba mais:

Memorial da América Latina
Avenida Auro Soares de Moura Andrade, 664 • 01156-001 • São Paulo/SP • Brasil
Tel: (55 11) 3823-4600 - Todos os direitos reservados - 2009